Nova York: o guia de 2019 e 2020 para a viagem perfeita

Quem não sonha em conhecer Nova York, não é mesmo? Neste artigo, o nosso objetivo é ajudá-lo a visualizar um pouco melhor esse sonho, dando dicas especiais para que possa construir o seu roteiro de viagem, além de informações sobre a cidade e orientações chave para que possa planejar bem a sua ida.

Neste conteúdo, você vai encontrar:

  • Informações sobre a cidade de Nova York como um todo;
  • 11 programas que você não pode deixar de fazer (incluindo atividades gratuitas e vida noturna!);
  • Orientações sobre o que comprar, onde se hospedar em Nova York e qual a melhor época para ir;
  • Estimativas de quanto custa viajar para Nova York, incluindo gasto com visto e passaporte.

Quer saber como aproveitar ao máximo a sua viagem? Então, continue lendo este artigo.

_______________________________________________________________

#Curiosidade: devo ser fluente em inglês para viajar para Nova York?

Esse é o recomendado, já que o inglês é a língua oficial da cidade. Porém, não é regra, afinal mais da metade dos habitantes de Nova York falam outra língua além do idioma oficial, devido a quantidade de imigrantes morando na cidade e à pluralidade de turistas existentes por lá em qualquer época do ano. São mais de 800 idiomas diferentes falados na região, o que faz dela a cidade com maior variedade linguística do mundo! Então, se não for fluente no inglês, é provável que consiga se virar bem mesmo assim na sua viagem. Mas vale estudar pelo menos o básico, ok?

_______________________________________________________________

Como é Nova York? Transporte 24h, cidade mais segura dos EUA e viagem ideal para todos os gostos e tipos de turista

A verdade é que você já conhece ou tem uma boa ideia de como é Nova York. Afinal, a cidade é um cenário clássico de grandes filmes e séries americanas.

E muita coisa do que já viu nas telas é verídico na realidade.

A cidade é um verdadeiro paraíso — e para qualquer tipo de turista, devido à sua pluralidade e diversidade.

  • É uma boa viagem tanto para quem gosta de curtir uma viagem com luxo quanto para quem gosta de passeios mais econômicos; 
  • para quem gosta de moda; 
  • para quem curte programas alternativos, bucólicos ou badalados e uma boa vida noturna, ou para quem prefere programas mais tranquilos;
  • para quem curte história, arte e cultura; 
  • para quem gosta de bastante entretenimento; 
  • ou, ainda, para quem gosta de viajar e aproveitar a gastronomia, que é bem diversa na cidade.

Nova York é referência mundial em qualquer um desses aspectos, tanto que é conhecida como a “capital do mundo” ou Big Apple, além de carregar a fama de “cidade que nunca dorme”, pois é incrivelmente movimentada a todo momento.

Fora tudo isso, a cidade ainda é um dos destinos internacionais mais desejados por turistas de todo o mundo por algumas particularidades, como o bom funcionamento do variado e complexo transporte público (como o metrô, que funciona 24h por dia, 7 dias por semana) e a segurança que oferece.

Para ter uma noção, Nova York é a cidade americana mais segura entre as maiores dos EUA, ficando na frente, inclusive, de outros destinos muito desejados por brasileiros nos Estados Unidos, como Los Angeles, San Francisco, Washington DC e San Diego.

Mas a desvantagem de ser um destino tão cobiçado por pessoas de todo o mundo e referência mundial é que Nova York é considerada uma cidade cara.

Uma boa refeição, por exemplo, custa em média R$ 74,85 e os viajantes costumam gastar entre 100 e 150 dólares por dia de viagem, contanto gastos como alimentação e transporte.

De qualquer forma, é um destino que vale a pena. E você vai entender melhor o porquê abaixo.

O que fazer em Nova York? 

11 programas que você não pode deixar de fazer.

Veja a cidade do alto em um dos arranha-céus mais altos do mundo, o Empire State Building

Empire State Building - Nova York


Você sabia que esse já foi o arranha-céu mais alto do mundo durante 40 anos? E que tal ver Nova York toda, de diversos ângulos, bem do alto do edifício?

Isso é possível e você vai se surpreender!

O Empire State Building foi construído em 1931 e o observatório, onde os turistas e visitantes podem ver a cidade do alto, fica no 86º andar.

Encante-se com as luzes da Times Square à noite

Times Square - Nova York


É claro que você não pode deixar de visitar um dos pontos turísticos mais famosos, conhecidos e visitados do mundo todo — são mais de 300 mil pessoas circulando por lá todos os dias!

A Times Square é fantástica e encanta qualquer um que vai lá, com seus telões brilhosos e letreiros chamativos em neon, prédios gigantes e uma multidão de pessoas de todos os cantos do mundo.

Além disso, você ainda vai encontrar diversas atrações na rua e muito entretenimento, com artistas de todos os estilos e até flash-mobs.

E o que mais vemos em relatos por aí são viajantes contando sobre o quanto essa experiência é incrível. Não deixe de ir lá!

Dê um passeio ao ar livre no Central Park e respire a essência de NY

Central Park - Nova York


Está aí um grande cenário clássico dos filmes americanos. E os viajantes garantem ser ainda mais lindo pessoalmente!

Por lá, você vai encontrar tudo que tem direito e que poderia existir em um parque (até o que não encontramos com frequência por aí): jardins, lagos, uma vegetação linda e agradável, muita área verde para fazer picnics, locais para prática de esportes e exercícios (bicicleta, patins, tênis, pesca, futebol, basquete), além de um zoológico e até um shopping center.

Além disso, ainda é possível presenciar concertos e atrações de música ao vivo (clássica, jazz, ópera e diversos outros estilos) e, claro, conferir o famoso memorial Strawberry Fields, uma homenagem ao músico John Lennon.

De qualquer forma, só de dar um passeio simples ao ar livre, caminhando pelo parque, observando as pessoas e escutando os sons da natureza e os pássaros, já vai ser uma experiência que vai marcar a sua viagem.

OBS: No inverno, o parque costuma ficar cheio de neve!

Participe da gravação de um programa de auditório no Rockefeller Center

Rockfeller Center - Nova York


No complexo de edifícios Rockefeller Center, além de poder visitar também um dos prédios mais altos da cidade e ver Nova York do alto, ainda é possível participar da platéia dos grandes programas de TV americanos! Já imaginou?

Isso porque, na região, estão localizados os estúdios de grandes emissoras de TV, como a NBC. Quem sabe você até não esbarra com uma celebridade por lá, certo?

Mas não é só isso que é possível fazer na região. Também existem diversos restaurantes legais, cafeterias, lojas e galerias de arte. 

E, no inverno, ainda é possível encontrar uma pista de patinação no gelo para se divertir.

Não deixe de assistir aos grandes espetáculos da Broadway

Broadway - Nova York


Os espetáculos de teatro e musicais mais famosos, reconhecidos e premiados do mundo estão lá. E você poderá ter acesso a eles, sem problemas.

Espetáculos de alta qualidade como O Fantasma da Ópera, Rei Leão e Chicago costumam ser os mais cobiçados pelos turistas.

Não tenha dúvidas de que sairá de algum deles impressionado, pois a cenografia, as atuações, os efeitos e toda a experiência são incríveis e impecáveis!

São mais de 40 teatros na região, então não faltam opções.

Mas, atenção: compre seus ingressos com antecedência, até mesmo antes da viagem, pois são espetáculos muito concorridos.

Vá ao museu mais visitado da cidade, o Metropolitan Museum

Metropolitan Museum


Para quem gosta de atividades mais culturais e artísticas, não deixe de aproveitar o museu nova iorquino mais visitado: o Metropolitan Museum.

O acervo é gigantesco e abrangente, reunindo em torno de 4.500 quadros, 2 milhões de obras de arte e aproximadamente 5 mil anos de história da civilização (com destaque para o Templo de Dendur, vindo do Egito, e a seção egípcia como um todo).

Além disso, também existem peças da arte grega, islâmica, medieval, européias e muito mais, tornando quase impossível de ver tudo em um dia só.

Uma característica interessante é que o valor do ingresso vai de acordo com o quanto você puder/quiser doar.

Confira de perto fósseis de dinossauros no Natural History Museum

Natural History Museum - Nova York


Se você já assistiu ao filme “Uma Noite no Museu”, com certeza já está mais familiarizado com esse local.

Esse é o museu de história natural de Nova York e o grande destaque vai para os fósseis e esqueletos de dinossauros, que você poderá ver bem de perto.

Além disso, também é possível conferir outras peças que representam a história da humanidade, como meteoritos, pedras antigas, utensílios e acessórios de civilizações antigas e até um planetário especial.

Assim como o Metropolitan Museum, esse museu é enorme e recomendamos que reserve um bom tempo para visitá-lo.

O museu também possui apenas uma sugestão de valor para o ingresso, mas quanto irá pagar fica a seu critério.

Aprecie as obras dos artistas mais famosos do mundo no Museum of Modern Art


Museum of Modern Art


Imagine ver de perto as principais obras de grandes artistas da história da humanidade e da arte moderna, como Picasso, Salvador Dalí, Andy Warhol, Van Gogh, Chagall, Cézanne, Magritte e diversos outros.

Não é à toa que o MoMA (Museum of Modern Art) é considerado o museu com a maior coleção de arte moderna do mundo, com mais de 100.000 pinturas, desenhos, fotografias, esculturas e objetos, além de mais de 14.000 filmes e 140.000 livros.

Também indicamos que reserve um tempo maior para conhecer esse museu, ok?

Visite o Memorial 11 de Setembro

Memorial 11 de Setembro


No local onde ficava o World Trade Center, que foi atingido pelo atentado terrorista de 11 de setembro que chocou todo o mundo, está hoje uma emocionante exposição em homenagem às vítimas, história e danos do acontecimento.

Vale a visita para conhecer um pouco mais sobre o impacto desse atentado na cultura americana.

Atravesse a Brooklyn Bridge

Brooklyn Brigde


Um programa simples mas com uma vista incrível de Manhattan, que com certeza renderá boas fotos e vai ficar na sua memória.

A ponte liga Manhattan ao bairro do Brooklyn e foi inaugurada em 1883, com quase 2km de extensão por cima do East River, sendo também um dos pontos turísticos mais visitados de Nova York.

Uma boa dica é ir assistir ao nascer ou pôr do sol na ponte, além de comprar lembrancinhas baratas para o Brasil nas extremidades do local.

Tire fotos em um dos monumentos mais famosos do mundo: a Estátua da Liberdade

Estátua da Liberdade


É claro que um dos principais símbolos de Nova York e dos Estados Unidos como um todo não poderia faltar na programação da sua viagem.

A Estátua da Liberdade é uma das estruturas mais famosas do mundo e representa a liberdade dos americanos, sendo um presente da França em 1885, quando os Estados Unidos comemoraram 100 anos desde a declaração da sua independência.

Toda a beleza do monumento vai render ótimas fotos para que guarde de recordação, não tenha dúvidas.

Vida Noturna em Nova York: quais as opções?

Não é à toa que Nova York é conhecida mundialmente como a “cidade que nunca dorme”, com já falamos mais acima. Além de programas clássicos à noite como assistir aos espetáculos da Broadway ou passear pelas luzes da Times Square, NY também oferece outras diversas e variadas opções de vida noturna, para todos os gostos.

Confira abaixo as principais.

Bares e drinks

E você gosta de apreciar bebidas, tomar bons drinks e curtir um ambiente de bar, indicamos tomar uma cerveja artesanal alemã no Biergarten, um local animado e com ótimos happy hours.


Vale conhecer também o bar 230 Fifth, que oferece bons drinks, música animada e ainda uma bela vista da cidade.

Baladas, festas e rooftops

Se você curte mais badalação, recomendamos ir no bairro Meatpacking District, famoso por ser uma região onde moram muitas modelos.

A vantagem é que lá você vai encontrar diversas opções de casas noturnas, baladas e festas em uma só região, podendo ir em várias em uma só noite, já que são próximas umas das outras.

Shows e opções de música ao vivo

Uma boa opção é a região de Greenwich Village, que conta com diversos bares e clubs na linha de shows e músicas ao vivo, como o Blue Note.

Outra ótima opção na cidade é o B.B King Blues Club, com shows todos os dias e de diversos estilos musicais.

Para quem curte jazz, indicamos o Fat Cat Music New York, um clube especial para esse gênero musical e que ainda conta com jogos como sinuca, xadrez e ping-pong.

Além disso, em NY, costumam acontecer shows de grandes artistas globais a todo momento. Então, confira para ver se acontecerá algum show de um artista que gosta na época que estiver na cidade.

Restaurantes

Se você prefere programas mais tranquilos à noite, existem bons restaurantes pela cidade.

Um dos mais famosos e com melhor ambiente é o Carmine’s, especialista em comida italiana e que irá te oferecer o melhor da cidade em pizzas, lasanhas e massas em geral. A vantagem é que as porções são grandes, servindo em torno de 3 pessoas cada.

Para fugir um pouco do costume na viagem, vale também ir no Le District, restaurante focado na gastronomia francesa, com uma pegada mais romântica. Além de excelentes pratos típicos do país, você também vai poder degustar ótimos vinhos até tarde da noite.

#DicaVISAMUNDO

Atente-se também para como vai vestido para os lugares e qual o dress code de cada um. Há locais de vida noturna, por exemplo, que não permitem a entrada de quem não está com o visual adequado, apropriado ou simplesmente nos padrões do ambiente.

O que fazer de graça em Nova York?

Já que a cidade é considerada cara para turistas, programações gratuitas costumam ser bastante procuradas pelos viajantes.

A grande vantagem é que existem muitas coisas legais e interessantes para se fazer de graça em Nova York, até mesmo os programas que envolvem os principais pontos turísticos da cidade.

Parques como o Central Park e o Brooklyn Bridge Park, são bons exemplos de atividades gratuitas, além da Times Square e do Rockefeller Center.

Também é possível conhecer a Estátua da Liberdade sem gastar um tostão. Isso porque a balsa que leva até o monumento é gratuita e já proporciona uma boa visão da estrutura.

Além disso, alguns dos principais museus de Nova York, como o Natural History Museum e o Museum of Modern Art, promovem dias específicos na semana em que a entrada é gratuita. Vale conferir.

Mas, de um modo geral, uma boa opção de o que fazer de graça em Nova York é, simplesmente, dar um passeio pelas ruas da cidade, sem destino definido, especialmente em bairros como Upper East Side, East e West Village, Chelsea e Brooklyn.

Cada canto pode te surpreender e também render boas fotos.

E, inclusive, um passeio por locais como Washington Square Park e Greenwich Village pode te dar uma boa sensação de nostalgia, já que costumam ser cenários de diversos filmes. No caso do último, por exemplo, foi palco das gravações de séries de TV muito famosas, como Sex and the City e Friends.

Algumas programações gratuitas mais alternativas e menos procuradas por turistas também podem deixar a sua viagem ainda mais interessante, como uma visita à sede da Organização das Nações Unidas e a uma das melhores universidades do mundo, a Universidade de Colúmbia.

Para quem tem interesse em grandes marcas, Nova York ganha destaque por possuir lojas incríveis de muitas delas que vale a pena a visita e encantam os turistas, como a loja da LEGO, a Mega Store da Disney, a Apple Store e a M&M’s World (neste último caso, vai ser difícil resistir e sair de lá sem gastar ou comprar alguma das guloseimas).

Por falar em gastar em Nova York, o que comprar na cidade? Confira abaixo.

O que comprar em Nova York?

Você pode escolher de acordo com o seu orçamento.

Para quem quer aproveitar a viagem para gastar um pouco mais, é na Quinta Avenida (5th Avenue), por exemplo, um dos grandes centros de compras e a maior avenida de NY, que estão localizadas as grandes marcas e grifes mundiais, em luxuosas vitrines.

Já a Times Square é um bom lugar para comprar eletrônicos e, em locais como SoHo (South of Houston), East Village, Lower East Side e Bushwick (no Brooklyn), você poderá encontrar boas opções de artesanato, lojas multimarcas e de roupas vintage.

Para quem quer economizar, uma boa dica é tentar pegar os finais de estações nas lojas, que costumam fazer promoções. 

Além disso, vale uma ida à Chinatown (com itens baratos, que podem servir como lembrancinhas para o Brasil) e na loja Century 21, conhecida por oferecer roupas de marca a preços mais acessíveis.

E, claro, não deixe de ir à Macy’s, a maior loja de departamentos do mundo!

Onde ficar em Nova York?

Nova York se divide em cinco principais distritos: Bronx, Brooklyn, Manhattan, Queens e Staten Island.

Para quem é de fora e vai viajar para lá, especialmente se for a primeira vez, recomendamos que procure se hospedar em Manhattan.

Manhattan é considerada a melhor localização para turistas, já que os principais pontos turísticos da cidade ficam nesse distrito, além da facilidade de deslocamento entre um e outro, tanto à pé quanto por transporte público e metrô.

Uma boa opção de hotel é o Wyndham New Yorker Hotel, bem avaliado nos principais sites do rama como TripAdvisor e Booking.com.

Agora, para quem quer economizar, vale considerar ficar nos demais distritos, como Brooklyn e Queens.

Qual a melhor época para ir a Nova York?

Em geral, a melhor época para ir a Nova York é entre maio e agosto, que é quando a temperatura e o clima estão mais agradáveis, além de não ser época de alta temporada e os preços de passagem e hospedagem estarem mais em conta que no restante do ano.

Mas essa decisão também vai depender das suas preferências pessoais.

Se quer viajar no inverno para curtir o frio na cidade e ver neve, vá entre dezembro e março (sendo este o mês mais frio). Mas prepare-se: o inverno em Nova York é bem rigoroso, em que a temperatura média fica em torno de -4ºC na cidade.

Agora, se quiser ir no verão, programe a sua viagem entre junho e setembro. A temperatura média é de 30ºC e a umidade é alta, então considere isso também na sua escolha.

Ir na primavera, entre março e junho, também pode ser uma boa opção, já que é o momento em que as árvores do Central Park e da cidade como um todo, por exemplo, ficam mais verdes e coloridas, formando uma paisagem incrível.

Quanto se gasta em uma viagem para Nova York?

Se você está preocupado com quanto custa uma viagem para Nova York, prepare-se para desembolsar em torno de R$ 12.000,00 reais (contando o gasto total da viagem por pessoa: passagem, transporte, programas e atividades, alimentação e hospedagem por 9 noites).

E quanto custa uma passagem para Nova York?

Só essa despesa, por exemplo, saindo das principais cidades brasileiras (São Paulo, Rio de Janeiro, Brasília, Belo Horizonte e Salvador), gira em torno de R$ 3.000,00 reais.

Além disso, também é importante considerar os gastos com visto americano e passaporte, caso ainda não tenha o seu.

A taxa consular para emissão do visto americano varia entre R$ 640,00 e R$ 960,00 reais, dependendo do tipo de visto, do valor do dólar e tirar o passaporte brasileiro custa em torno de R$ 257,25 reais.

*Valores calculados com base na cotação média do dólar americano em Setembro de 2019.

Saiba mais em:

Visto Americano - EUA

e

Emissão de Passaporte: tutorial detalhado completo para solicitar (2019)

Não esqueça do seu visto americano e do passaporte!

Sem eles, não vai ser possível realizar o sonho de viajar para Nova York

Muitos viajantes acabam esquecendo que brasileiros precisam de visto para entrar nos Estados Unidos e costumam deixar para resolver essa questão de última hora, quando a data da viagem já está quase em cima.

O risco disso, e que costuma acontecer em muitos casos, é que há a possibilidade do visto ser negado, principalmente porque muitas pessoas fazem o processo na correria e acabam cometendo erros que poderiam ser evitados, obrigando o viajante a adiar a sua viagem para os EUA.

Além disso, claro, o passaporte também é de extrema importância e, por mais simples que pareça, muitos acabam tendo problemas por não fazer o processo com o devido cuidado necessário.

Então, a principal dica que damos é: não deixe para lidar com questões de documentação em cima da hora! Comece a se preocupar com isso com antecedência, assim como faz com todo o resto da viagem.

Está perdido na burocracia dos processos de visto americano e emissão de passaporte? Não tem tempo nem tempo livre para seguir com as solicitações sozinho ou seu dia a dia é muito corrido, ocupado? E, principalmente, tem medo de ter seus pedidos negados, acabar tendo que adiar ainda mais a sua viagem para NY e arcar com prejuízos financeiros?

Conte com o auxílio dos profissionais da VISAMUNDO desde o início até o fim do seu processo!

Nós oferecemos assessoria profissional e especializada em emissão de vistos americanos e passaportes brasileiros, com mais de 19 anos de experiência na área e diversos casos de clientes satisfeitos e que conseguiram passar pelas burocracias sem problemas. 

Confira depoimentos dos viajantes que já tiraram seus vistos americanos ou passaportes com o auxílio da VISAMUNDO na nossa home page.

Nós vamos te orientar adequadamente em todas as partes do processo, especialmente nas que costumam ser mais complicadas para os viajantes e que têm maior porcentagem de erro, como no preenchimento da DS-160 (formulário oficial para requerimento do visto americano), na documentação necessária e na entrevista consular.

Para mais informações sobre os nossos serviços, preencha o formulário ao lado. É simples e rápido.

A nossa equipe irá entrar em contato com você o mais rápido possível para tirar as suas dúvidas e fazer com que consiga viajar para os EUA - New York sem problemas nem dores de cabeça. E, claro, com visto americano e passaporte aprovados em mãos!

Receba nossas notícias e atualizações de taxas!

Vamos te enviar apenas as melhores ofertas!

Thank you! Your submission has been received!
Oops! Something went wrong while submitting the form.